Alta do vinho brasileiro no mercado internacional é um dos destaques da ProWine São Paulo 2022

Alta do vinho brasileiro no mercado internacional é um dos destaques da ProWine São Paulo 2022

O vinho brasileiro está em alta! E não só entre os brasileiros, o que por si só é uma virada de mercado, de mudança de comportamento e de uma valorização inédita.

A notícia boa vai além e mostra que o mundo tem olhos atentos para a nossa produção. Um indício disso é a alta confirmação internacional – leia-se importadores, compradores, consultores, entre outros profissionais do setor – para a edição 2022 da ProWine São Paulo, que acontece de 27 a 29 de setembro, em São Paulo.

Um público especializado, curioso e ávido pelas novidades das 65 vinícolas nacionais confirmadas até o momento, para essa que é tida como a maior e principal feira profissional de vinhos e destilados do país. Número surpreendente, recorde e que confirma o ótimo momento do Brasil.

Mas, a onda positiva não para por aí. A geografia da produção também mudou, se ampliou pelos quatro cantos do país, mostrando que não é só o Sul que faz bons vinhos. Exatamente por isso, além do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, nessas seis dezenas de empresas confirmadas, a ProWine São Paulo vai receber marcas de Goiás, Bahia, São Paulo e Minas Gerais.

Segundo a Idealbi Consulting, empresa de auditoria de importação e inteligência de mercado especializada no segmento de bebidas e alimentos, o volume de exportação cresceu 500% nos últimos seis anos. Só em 2021, por exemplo, o aumento foi de 58%, com montante histórico de 892 mil caixas de 9 litros que partiram daqui para o mundo. Vinhos e espumantes lideram e são os grandes responsáveis dessa alta.

Essa ascensão vem ancorada pelo Wines of Brazil, iniciativa da Apex Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) com a Uvibra/Consevitis-RS (Conselho de Planejamento e Gestão da Aplicação de Recursos Financeiros para Desenvolvimento da Vitivinicultura do Estado do Rio Grande do Sul), voltado para promover o vinho brasileiro no exterior. “Com o aumento do consumo per capita de rótulos nacionais dentro do Brasil, o mercado externo passou a olhar nossos produtos com outros olhos. Sem falar que o espumante, carro chefe do projeto setorial, vem ganhando seu reconhecimento há bastante tempo e as vinícolas brasileiras acumulam mais de 3 mil medalhas em premiações internacionais”, explica Rafael Romagna, executivo da Uvibra/Consevitis-RS. “O país exportou 12,8 milhões de dólares em 2020, o que foi um dos melhores momentos da nossa história, o que demonstra que estamos em ascensão no mercado externo.”

E como funciona o projeto na prática? Levando o nome do país para ações especiais para o fomento de novos negócios, feiras, eventos promocionais e missões comerciais, ressaltando atributos como qualidade, diversidade e diferenciais dos vinhos brasileiros. “Nós, em parceria com a Wines of Brazil, estamos trazendo dez compradores internacionais para fazerem negócios com vinícolas nacionais”, pontua Rico Azeredo, diretor e sócio da ProWine São Paulo.

ProWine São Paulo

Esse ano, o tema central é a sustentabilidade e a previsão é receber mais mais de 5 mil visitantes, uma audiência mais do que qualificada, já que a feira é voltada 100% à profissionais do setor. Já estão confirmados cerca de 360 expositores, de 15 países, que juntos representam mais 600 marcas de vinhos e destilados.

O evento, que acontece de 27 a 29 de setembro, na Expo Center Norte, na capital paulista, é realizado por Emme Brasil e Inner Group, em sociedade com a Messe Düsseldorf, organizadora da maior feira de vinhos e destilados do mundo, a ProWein, na Alemanha.

As inscrições podem ser feitas no site oficial, clicando aqui.

Write a response

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Close
ProWine São Paulo © 2021 | +55 11 2365-4313 | info@emmebrasil.com.br
Close
Facebook
YouTube
LinkedIn
Instagram

Prowine São Paulo 2022
Credenciamento apenas presencialmente.
Não esqueça o documento e o comprovante do setor.
Nos vemos aqui!

%d blogueiros gostam disto: